Archive for September, 2008

 

Hello there.

 

It was almost a year ago when I first posted here mentioning I’d use this blog to keep track of a “secret project”. Time has come and gone and the blog has changed quite a bit from its original idea becoming more of a repository of hobby related news translated into my native language (Portuguese in case you ever wonder in which language the other posts here are written in).

Well the “secret project” hasn’t been forgotten or left aside. I’ve been working on it here and there and I think the time has come to give a clear idea to you readers of what it is.

So without further ado here it is, a clear sign of things to come:

 

 

 

Se you again soon.

 

 

Olá leitor!

 

Quando comecei o novo blog aqui no WordPress a idéia era mantê-lo em segredo e ir depositando aqui todas as fotos relativas a construção de um novo army, o meu “projeto secreto” à época.

Bom, tempo vai tempo vem e o blog acabou ganhando vida própria e o tal “projeto” pareceu relegado a um segundo plano. Não isso não aconteceu.

Tenho trabalhado nesse novo army aos poucos e alguns amigos já viram algumas minis dele, outros já sabem do que se trata e um grande amigo tem me dado uma mão com uma peça bastante especial para o exército (“Fator Uau!!!”) mas penso que talvez seja essa a hora de dar um “sneak peek” , uma prévia, do que se trata o tal “projeto secreto”. A foto está ai.

 

Por hoje é só. Até a próxima.

 

Salve leitor!

 

Faz tempo que não uso o blog pro fim ao qual originalmente se destinava, ou seja, mostrar fotos de miniaturas pintadas por “yours truly”. Sem problema. Remediarei a situação hoje e em dobro.

Sem dúvida nenhuma um dos aspectos mais gratificantes do hobby dos wargames é pintar as miniaturas que compõe o army.

Como digo sempre aos meus interlocutores habituais o apelo de uma miniatura bem pintada é inegável até mesmo para aqueles não iniciados. Quantos de nós já não ouvimos o costumeiro “Que bonitinho!” quando um amigo ou conhecido não familiarizado com o hobby vê pela primeira vez uma de nossas “obras primas”? Freqüentemente um surpreso “Nossa foi você mesmo quem pintou?!” é via de regra a próxima frase, estupefata, à qual podemos responder cheios de orgulho com um sim!

Melhor ainda quando um trabalho seu corresponde as suas expectativas, justamente o caso da atualização de hoje.

Costumo reclamar que estou enferrujado e realmente perdi a prática com os pincéis mas veja bem, a pintura de miniaturas, como qualquer habilidade artística, demanda prática constante para que se obtenha resultados satisfatórios e uma enorme dedicação e estudo maior ainda se almeja-se pintar como os grandes mestres desse seleto metier.

Tendo dito isso é importante frisar que não pinto com freqüência a tempos e por diversos motivos que não valem a pena enumerar aqui. As últimas miniaturas que havia pintado foram aquelas que apresentei no concurso de pintura do EIRPG (e que não sei porquê cargas d’água continuam inéditas por aqui) o que só adicionou à “ferrugem” de minhas habilidades.

Bom foi enferrujado que encarei a pintura de duas minis para o Luis “Malek” Carlos: Um Dreadnought de Khorne e um Necron Lord com Destroyer Body.

O Dreadnought foi pintado de forma a emular uma máquina que esta em batalha a séculos a serviço dos deuses do chaos. Devo frisar que toda a conversão da peça foi feita pelo próprio Luis tendo eu apenas consertado a haste de fixação do símbolo de Khorne (substituindo a original de chumbo flexível por uma haste rígida) e uma das placas colocadas na frente do dread.

A pintura foi feita da seguinte maneira: Primeiramente pintei todo o dread em suas cores metálicas (usando tin bitz, boltgun metal e mithril silver) para logo em seguida aplicar pigmentos no dread emulando ferrugem seguida de um drybrush de boltgun metal.

O segundo passo foi pintar o vermelho característico de Khorne utilizando bastante desgaste já que esses dreadnoughts são empregados basicamente em combate corpo a corpo.

Por fim pintei os símbolos de Khorne usando a coloração característica de bronze.

Seguem as fotos:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A segunda miniatura pintada para o Luis é um dos HQs de seu novo army: Um Necron Lord com corpo de destroyer. Aqui a dificuldade era conseguir um visual interessante para uma miniatura que é basicamente só metal. Tentei conseguir um visual envelhecido usando diversas camadas de tinta metálica intercalada com aguadas (washes) de cores diversas e por fim adicionei marcas de fuligem nos exaustores.

 

 

 

 

 

Por hoje é isso! Até a próxima. 

 

Salve Leitor.

 

Não, nada sobre miniaturas hoje, mas ainda assim é algo pertinente ao “universo expandido do hobby”.

A menos que você more na lua ou abomine completamente jogos de videogame e computador deve ser de seu conhecimento que há tempos a Games-Workshop flerta com esse mercado alternativo para seus produtos através de parceiros licenciados para desenvolver a contraparte eletrônica dos seus jogos de tabuleiro.

Assim o Warhammer 40.000 e o Warhammer Fantasy tiveram diversas encarnações eletrônicas ao longo dos anos, desde o simples, mas cultuado, “Space Hulk” passando pelo grande sucesso da sequência de jogos “Dawn of War” até o mais recente lançamento que tem gerado grande expectativa: “Warhammer Age of Reckoning” um MMORPG (massive multiplayer online role playing game) ambientado no universo do Warhammer Fantasy.

Fala-se também de um outro MMORPG licenciado pela GW porém ambientado no universo do Warhammer 40.000 que, se concretizado, promete ser inovador.

Pois bem, do nada, caiu ontem na rede um vidozinho fantástico mostrando o gameplay de um projeto até então mantido na surdina pela THQ e GW: “Warhammer 40.000: Space Marine”!

Como o nome indica com propriedade o jogo, aparentemente para o XBOX 360, te se coloca no controle de um Space Marine, experimentando em terceira pessoa, nas palavras do desenvolvedor, o que significa ser um desses guerreiros super humanos.

 

Ainda segundo o desenvolvedor o objetivo da THQ com esse jogo é permitir que o jogador experimente o universo do 40K de uma forma “up close and personal” ao invés do modo mais onipotente dos jogos anteriores que colocavam o jogador no comando de suas tropas com uma visão aérea dos combates que estavam ocorrendo.

 

O vídeo em si mostra um Ultramarine despertando após ter sido nocauteado, logo em seguida ele recebe algumas ordens e parte pro abraço deixando um rastro de destruição por onde passa. Segundo o desenvolvedor que narra o vídeo o jogo tem sim combate a longa distância, mas o foco do jogo é o visceral combate corpo a corpo onde o jogador teria certa vantagem. Aparentemente o “combo” do jogo é dar alguns disparos com o bolter atordoando a vítima enquanto o jogador se aproxima pra finalizar o trabalho com sua chainsword. Nesse momento o jogo é interrompido por uma rápida seqüência cinemática mostrando a execução do malfadado inimigo. Aparentemente serão centenas delas (segundo o narrador) mas nesse vídeo preliminar apenas algumas delas são exibidas.

 

Uma coisa que certamente é muito legal é poder enxergar na tela algo que até então ficava restrito à imaginação que é o “mundo” do 40K. Como são os prédios? Qual o “feel” de andar numa cidade imeprial? O jogo responde a essas perguntas como podemos ver no vídeo.

 

Achei o videozinho promissor e aguardo ansioso por novidades sobre o jogo. Cabe lembrar que a THQ foi a responsável por um jogo bastante odiado por players mundo afora: “Fire Warrior”. Fica a esperança de que a má experiência não se repita.

 

Para ver o vídeo cliquem aqui.

 

Até a próxima.

 

 

Are no news good news?

Posted: 04/09/2008 in Geral

Salve leitor.

 

Há dias ensaio escrever um novo texto para atualizar o blog. Acredite em mim, assunto não falta. Desde a última atualização tivemos o lançamento da 5ª. Edição do Warhammer 40.000, o lançamento da nova caixa básica “Assault on Black Reach”, além de mil rumores acerca dos lançamentos futuros do 40K e do Fantasy.

“Ora! E porquê cargas d’água o blog não foi atualizado?” Ouço você perguntar daí do outro lado. Simplesmente tem me faltado o tesão de escrever. Não que todas essas novidades não sejam dignas de nota mas realmente falta a inspiração.

Ainda assim agradeço aos leitores fiéis que têm retornado diariamente ao blog em busca de noticias sobre o hobby. Vocês serão recompensados, penso eu, de alguma maneira.

As boas novas são que, vejam só, estou escrevendo aqui de novo prenunciando novos textos por aqui em breve… ou não!

 

Grande abraço e até a próxima.

 

 

Hello there.

 

It has been a while since I last uploaded anything here. It’s not like the hobby world has been idle. There’s plenty going around but no matter how exciting these times may be (5th edition has now been released and so has the “Assault on Black Reach Box”) I just can’t feel compelled to write anything worth of note to add here. Believe me I’ve tried but I’ve scraped every single attempt.

Finger crossed here hoping that today’s update is a sign of more to come.

 

Cheers and see you soon. Hopefully.