Salve Leitor.

 

Não, nada sobre miniaturas hoje, mas ainda assim é algo pertinente ao “universo expandido do hobby”.

A menos que você more na lua ou abomine completamente jogos de videogame e computador deve ser de seu conhecimento que há tempos a Games-Workshop flerta com esse mercado alternativo para seus produtos através de parceiros licenciados para desenvolver a contraparte eletrônica dos seus jogos de tabuleiro.

Assim o Warhammer 40.000 e o Warhammer Fantasy tiveram diversas encarnações eletrônicas ao longo dos anos, desde o simples, mas cultuado, “Space Hulk” passando pelo grande sucesso da sequência de jogos “Dawn of War” até o mais recente lançamento que tem gerado grande expectativa: “Warhammer Age of Reckoning” um MMORPG (massive multiplayer online role playing game) ambientado no universo do Warhammer Fantasy.

Fala-se também de um outro MMORPG licenciado pela GW porém ambientado no universo do Warhammer 40.000 que, se concretizado, promete ser inovador.

Pois bem, do nada, caiu ontem na rede um vidozinho fantástico mostrando o gameplay de um projeto até então mantido na surdina pela THQ e GW: “Warhammer 40.000: Space Marine”!

Como o nome indica com propriedade o jogo, aparentemente para o XBOX 360, te se coloca no controle de um Space Marine, experimentando em terceira pessoa, nas palavras do desenvolvedor, o que significa ser um desses guerreiros super humanos.

 

Ainda segundo o desenvolvedor o objetivo da THQ com esse jogo é permitir que o jogador experimente o universo do 40K de uma forma “up close and personal” ao invés do modo mais onipotente dos jogos anteriores que colocavam o jogador no comando de suas tropas com uma visão aérea dos combates que estavam ocorrendo.

 

O vídeo em si mostra um Ultramarine despertando após ter sido nocauteado, logo em seguida ele recebe algumas ordens e parte pro abraço deixando um rastro de destruição por onde passa. Segundo o desenvolvedor que narra o vídeo o jogo tem sim combate a longa distância, mas o foco do jogo é o visceral combate corpo a corpo onde o jogador teria certa vantagem. Aparentemente o “combo” do jogo é dar alguns disparos com o bolter atordoando a vítima enquanto o jogador se aproxima pra finalizar o trabalho com sua chainsword. Nesse momento o jogo é interrompido por uma rápida seqüência cinemática mostrando a execução do malfadado inimigo. Aparentemente serão centenas delas (segundo o narrador) mas nesse vídeo preliminar apenas algumas delas são exibidas.

 

Uma coisa que certamente é muito legal é poder enxergar na tela algo que até então ficava restrito à imaginação que é o “mundo” do 40K. Como são os prédios? Qual o “feel” de andar numa cidade imeprial? O jogo responde a essas perguntas como podemos ver no vídeo.

 

Achei o videozinho promissor e aguardo ansioso por novidades sobre o jogo. Cabe lembrar que a THQ foi a responsável por um jogo bastante odiado por players mundo afora: “Fire Warrior”. Fica a esperança de que a má experiência não se repita.

 

Para ver o vídeo cliquem aqui.

 

Até a próxima.

 

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s