Salve Leitor!

 

Um dos aspectos desse fantástico hobby de colecionar e encenar batalhas com miniaturas é o chamado “Scratch -Building”. A palavra em inglês significa construir sozinho um modelo ou miniatura (do inglês Scratch: rascunho). Felizmente nosso país é bem servido nessa área onde temos alguns expoentes radicados aqui (como o Sócrates, Alex, Danilo Peixoto e mais recentemente o Arthur Bobagny) e alguns expatriados (o sumido Márcio hoje radicado nos USA) que abrilhantam e diversificam o hobby com suas criações.

 

O “Scratch” (vamos simplificar daqui por diante) tem duas vertentes, a primeira delas é replicar os kits existentes com outros materiais de forma a baratear o custo na aquisição das miniaturas, a outra é dar vazão a criatividade construindo modelos que não existem ou que tão somente foram descritos no universo ficcional do jogo.

 

Outro cara que manda MUITO bem no scratch é o Antônio Jorge. Eu conheci o cara, salvo engano, em idos de 2005 quando ele apareceu em um dos torneios realizados no Rio de Janeiro (os saudosos TV/TI) para dar uma sapeada e ver mais de perto como eram as partidas dos jogos de estratégia da GW. Pouco tempo depois ele surgia no Warhammer Brasil trazendo a tiracolo os seus Orks. Não satisfeito com as miniaturas GW o cara aparecia com veículos que ele mesmo tinha construído e foi nessa época que nasceu o Lenny.

 

Pra quem não sabe do que se trata o “Lenny” é um Squiggoth, uma criatura empregada pelos orks em combate não só como besta de combate corpo a corpo mas também como plataforma móvel para armas pesadas dada a força descomunal desses bichos. O AJ deu forma ao seu Squiggoth assim:

 

 

 

 

 

 

 

 

Legal não é? Vendo as fotos anda me surpreendo com a inventividade desse cara. O problema é que desde 2005/2006 quando o Lenny foi concluído ele permaneceu como nas fotos acima, intocado e juntando poeira na estantinha do AJ, e foi assim que eu reencontrei o Lenny nos campos da batalha do “Spoon of Gork” em julho passado em São Paulo.

 

Fiquei surpreso quando o AJ foi chegando do meu lado com o Lenny nas mãos e pediu para que eu o pintasse. Como sou fã declarado do trabalho do cara não me fiz de rogado pra pintar outro de seus trabalhos (como já mostrado aqui no blog) e aceitei de bom grado a incumbência.

 

Antes de começar a pintura dei uma sondada no AJ que me deu liberdade pra pintar como eu quisesse. Cabe lembrar que o Lenny começou sua existência como um “stand-in” de um tanque da “Grot Revolushun” do AJ, mas ele acabou abandonando essa idéia e migrando pra um army Bad Moon. As insígnias da “Revolushun” acabaram ficando no Lenny, mas para mostrar a nova afiliação do bicho eu pintei um símbolo Bad Moon na lateral.

 

É isso… sem mais delongas o novo Lenny!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Abraços e até a próxima.

 

 

 

Hey there.

 

Today’s update is, once more, about a model painted for a good friend.

 

You might remember this Ork Guntrukk I posted here a while ago. Constructed by one of the Brazilian masters of scratch-building, who I have the privilege of calling a friend, AJ and painted by yours truly that tank was one of my first attempts at weathering a vehicle to show A LOT of use and abuse in the battlefield and I still like the final result quite a lot (AJ on the other hand seems to not care enough about it since the tank is still with a common friend of ours… perhaps Weeny Legz has deemed the paintjob inferior). Well one of his first attempts at scratchbuilding was a Squiggoth dubbed Lenny.

 

You can see in the pictures which illustrate the article the way it started back in 2005/2006 when it was built. I’m sad to report it remained like that till I faced it on the battlefields of the “Spoon of Gork” event in São Paulo earlier this year. Like other scratcbuilding masters, like Krooza from “The Waaagh” forum, AJ seemed to distracted building other stuff to paint what he had already done. I have to say I was surprised when he approached me with Lenny on his hands and asked me if I’d paint it for him. Of course I was more than happy to say yes and once more dig my hands into painting one of his masterwork models.

 

Again I’m quite please with the overall result. There’s things I’d like to do better like the rust and the scratched paintwork but it’s been a learning process to me and I just hope to improve enough so I can paint what I consider his MASTER-MASTERPIECE!!! More on that soon!

 

That’s it for today guys! See you again soon.

Comments
  1. Streem says:

    GEEEEEEEERETH! Ficou fantástico cara! Incrível!

    Já vi o Lenny em mãos e posso dizer que a construção é show… mas com sua pintura, ficou FODASSO! Poxa, o tom de pele tá demais, o freehand badmoon incrível, o desgaste, TUDO!

    Parabéns brother!

    Abraço!

  2. Ultramarcos says:

    Aeee Gayzao….botando fotos das suas producoes…milagre!!! Cade voce pra continuarmos nosso esquema WEBPaintin?

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s