Archive for May, 2012

Hello there Reader.

 

Wondering why there haven’t been that many updates here on “The Painting Frog” right? I blame it on Diablo III. In fact I believe a lot of stuff is not getting done all around the world because of Blizzard’s latest game.

 

I’m still working on hobby stuff, I just hadn’t finished anything worth sharing with you guys here until now but do keep your eyes peeled here as I’m showcasing and reviewing more games and miniatures pretty soon on the blog.

 

Diablo III aside I did find the time to work on a gift for a very good friend of mine. It should be no secret to you Reader that the social aspect of the hobby plays a very big part in my way of enjoying it. It’s not uncommon for me to go a couple of months without gaming just to host games for my gaming friends (and I get to play wargames about once I month when I go back to my hometown for a couple of days) as it’s the conversation around the gaming table which really drives me to promote this gatherings.

 

It’s also no secret that over the years I’ve made very good friends in this hobby, guys who started off as gaming partners and now became the closest thing there is to a brother to me without being born from the same mother. One of these people that gamed his way into my tiny circle of friends is Valter.

 

You might recall I mentioned working on a Black Templars army for a friend, well, he’s the mentioned friend and ever since I started working on his Templars he came up with this fluff that his army would be the personal crusade of the Black Templars supreme commander, High Marshall Helbrecht, and thus I’ve strived to maintain the iconography constant through his models, and more importantly, coherent with his imagery from GW (using the red templar cross with white outline for instance).

 

It’s been a while since I have finished working on his models but I never fulfilled the promise of painting him a Helbrecht to lead his little plastic men in battle. On one of our last gatherings we were chatting and he mentioned in a year or two he’ll be gaming a lot more against André “Streem” from SP  (and also from the “ReLOAD” Vlog) as he’ll move there to continue his studies. It dawned on me then that I’ll not only lose my most frequent gaming partner but will also be miles away from a good and cherished friend.

 

I don’t want to sound sentimentalist or corny, far from that, but realizing he won’t be around forever and that our lives may take us in different directions (like my buddy “Ultra”Marcos, another cherished friend who lived far and now lives a lot farther from me) made things a tad more urgent to me and I decided to do as I had promised.

 

I was able to get my hands on a metal Helbrecht through Ebay (I’m trying to steer away from Finecast for as long as I can) and began to work on it last Saturday preparing and assembling the model. If you do some research you’ll see that a lot of people choose to perch the miniature on stairs or an elevated position. It turns out his walking pose looks very awkward when you mount him on a regular base (as he seems to be tilting forward rather than walking towards his enemy) so I followed the example of my betters and made a stair base for him as well.

 

 

 

 

 

When it came to painting Helbrecht I tried my best to follow GW’s color scheme for him and am quite pleased with the final result, specially his black cape in which I managed to achieve a subtle highlight before adding some edge highlights. I also liked the marble effect on the base. It’s not perfect yet but I’m under the impression I might be getting somewhere.

 

 

 

 

 

 

 

Unfortunately I had a varnishing accident with it and some parts ended up being a bit fogged by the matte varnish (matte varnish can be a pain sometimes). I might try to fix that with further applications of paint before presenting Valter with it.

 

In the end I’m happy with the final result and hope he enjoys this gift. As usual don’t be shy to let me know what you think about it after all that’s the purpose of blogging about the hobby right?

 

Over and out.

 

+++

 

Salve Leitor.

 

A culpa é do Diablo 3! Sério, se você andava se perguntando onde andam as atualizações do “The Painting Frog” tai a resposta: A culpa é do Diablo 3. E do Valter e do Ismael (não necessariamente nessa ordem).

 

Fato é que após ter lido na internet que muita gente tirou folga do serviço (ou faltou deliberadamente), tirou férias e matou aula pra jogar Diablo 3 no dia de seu lançamento eu fiquei bem menos culpado por ter dado uma sumida aqui do blog.

 

Também não é como se eu só estivesse jogando. Na verdade tenho trabalhado em diversas frentes com relação ao conteúdo do blog, mas, até então, não tinha completado nada digno de nota por aqui e, como costumo dizer, se for pra postar bobagem e encher linguiça é melhor não postar nada.

 

Bom, de volta ao assunto, não deve ser segredo pra você Leitor do blog que o aspecto social do hobby é um fator muito importante pra mim, principalmente se levarmos em conta que frequentemente deixo de jogar para que o pessoal que frequenta minha casa jogue. A reunião social, o papo em volta da mesa de jogo, a troca de experiências é tão importante quanto, ou mais, que rolar dados atirando nos bonequinhos uns dos outros.

 

Não surpreendentemente cultivei ao longo dos anos no hobby diversas amizades e um dos caras que fez a transição de parceiro de jogo para amigo é o Valter. Se você frequenta o blog deve se lembrar que já o mencionei por aqui algumas vezes, principalmente enquanto pintava o army de Black Templars dele.

 

O “fluff” (background) do exército do Valter é que suas miniaturas representam a crusada pessoal do comandante supremo dos Templários, o High Marshall Helbrecht, e assim, durante toda a pintura do army tentei incorporar diversos elementos temáticos que faziam essa associação, mas, acabei não pintando um Helbrecht. O Valter chegou a mencionar que queria comprar um mas, na época, prometi a ele que eu lhe daria como presente uma mini do Hellbrecht sem que no entanto jamais tivesse cumprido a promessa.

 

Pois bem, dia desses estávamos reunidos em casa e conversávamos sobre o jogo quando o Valter comenta que muito em breve jogaria bem mais contra outro bom amigo, o André “Streem” de SP (e do Vlog “ReLOAD”), já que em dois anos pretendia se mudar pra SP pra continuar seus estudos.

 

Não quero soar sentimentalista ou piegas, mas fiquei meio desconcertado na hora ao perceber que dali a um tempo perderia não só meu mais habitual parceiro de jogo, mas também um bom amigo (o que já aconteceu com outro amigo querido, o “Ultra”Marcos, que já morava longe e acabou morando ainda mais longe) e assim, percebendo que as circunstâncias da vida poderiam nos afastar resolvi correr atrás do prejuízo e cumprir a promessa de pintar um Helbrecht pro Valter.

 

Acabei conseguindo colocar as mãos em uma miniatura de metal (já que ando evitando ao máximo encarar as minis Finecast por enquanto) e no último sábado comecei a prepará-la para pintura. Enquanto preparava a miniatura percebi que ela não ficaria legal montada diretamente na base. O Helbrecht foi esculpido caminhando em direção ao inimigo mas montado na base ele parece muito mais estar cambaleando bêbado (ou caindo de bêbado) e pra valorizar a peça segui o que tantos outros modelistas já fizeram e montei ele mais alto descendo um lance de escadas.

 

No que diz respeito à pintura da miniatura propriamente dita tentei seguir o esquema de cores da GW (que é o que o Valter tinha em mente para a miniatura) respeitando a iconografia que já havia utilizado na pintura do exército. Fiquei especialmente satisfeito com o resultado obtido na capa preta (onde obtive pela primeira vez um bom highlight nessa cor) e também gostei do resultado do mármore verde da base (que ainda não está perfeito mas me deu a impressão de estar no caminho certo).

 

Infelizmente tive um acidente com o verniz fosco (que acabou embaçando algumas partes da peça) ao aplicá-lo a noite na peça (o verniz fosco se comporta mal se aplicado com mais umidade no ar ou com a temperatura mais baixa). Talvez eu tente consertar antes de entregar o presente ao Valter mas, por hora, ela fica como está.

 

As fotos que ilustram o artigo ajudarão você a julgar o trabalho, então não deixe de comentar e dizer o que achou da peça. No final das contas estou bem satisfeito e espero que o Valter também goste.

 

Até breve.

 

+++

 

Hello there.

 

This is the Portuguese version of the article published in English here where we talk about our Infinity unboxing video. Do check it out if you missed it.

 

Over and out.

 

+++

 

Salve Leitor.

 

Puxa, parece que faz um século que tento publicar esse post aqui no blog. Eu já havia postado alguns artigos por aqui com vídeos, mas me ative a republicar conteúdo de terceiros que entendi serem pertinentes ao tema do blog (como no caso dos episódios do Vlog ReLOAD) ou no máximo fiz pequenas edições e adicionei legendas em alguns vídeos para aumentar a exposição dos mesmos adequando-os à audiência aqui do blog (caso dos demais vídeos disponíveis em nosso canal).

 

Fato é que eu vinha pensando em uma maneira de criar conteúdo inédito para o blog usando essa “nova” ferramenta que é o vídeo e fico muito feliz em publicar hoje o primeiro vídeo com conteúdo original do blog “The Painting Frog”.

 

Como parte da experiência de explorar um novo sistema de wargame e registrar todo o processo aqui no blog, eu decidi gravar um vídeo compartilhando com vocês a experiência de abrir minhas primeiras caixas com miniaturas para o Infinity,um “unboxing”, bastante comum hoje em dia, mas acredito que o primeiro em português (uma caixa de inicio de Yu Jing e outra de Ordens Militares para PanOceania).

 

O vídeo foi gravado em português, mas conta com legendas em inglês de forma a torná-lo acessível para uma parcela significativa de visitantes aqui do blog. Acho importante frisar que não sou um profissional no universo das miniaturas, e com isso quero dizer que não tenho uma empresa que lide com isso e que não ganho um único centavo com esse hobby. Sou um hobbyista mediano como você e outros tantos frequentadores deste blog compartilhando com você Leitor minhas ideias e impressões (que são tão somente isso, minhas ideias e impressões e de maneira nenhuma são imutáveis ou corretas… sou bem propenso a mudar de ideia. Uma metamorfose ambulante).

 

Sem mais blá,blá,blá o vídeo:

 

 

E aqui estão as fotos com as figuras já devidamente montadas (as fotos são clicáveis para visualizar versões maiores):

 

Botão “on/off” do Cutter (Não esqueça de pressionar “on” senão ele não funciona direito).

 

Conteúdo da caixa de Yu Jing montado.

 

Conteúdo da caixa de Ordens Militares de PanOceania montado.

 

Cutter, TAG de PanOceania, montado.

 

Foto comparativa de tamanho – 01.

 

Foto comparativa de tamanho – 02.

 

Foto comparativa de tamanho – 03.

 

Acho que por hoje é isso. Não hesite em comentar aqui no blog deixando suas impressões sobre as miniaturas e sobre essa nova forma de apresentar conteúdo aqui no blog. Na verdade gostaria muito de ouvir as opiniões de vocês leitores sobre a apresentação de conteúdo nesse novo formato. Criticas e sugestões são mais que bem vindas e, se você gostou do vídeo, não deixe de dar um “Like” no Youtube e assinar nosso canal.

 

Abraço e até a próxima.

 

+++

 

Hello Reader.

 

Well, I’ve been meaning to publish this post for a while now but using video as a new media is something new to me and working out the kinks until I was satisfied with the final product did take me a while. Having a computer crash in the meantime didn’t help a bit as well.

 

But all that is now in the past and I’m extremely happy to publish today “The Painting Frog” blog’s first original content video. As a part of the ongoing experience of learning a new gaming system and chronicling my steps along the way I decided to record a video sharing the experience of opening my first Infinity miniature boxes (a Yu Jing starter box and a PanOceania Military Order starter box).

 

The video has been recorded in Portuguese but English subtitles are provided for your convenience. Bear in mind I’m no pro when it comes to the miniature wargaming world and by that I mean I have no miniature related company, and make no money out of this hobby. I’m and average hobbyist pretty much like you or the guy from you FLGS simply sharing my thoughts with you Reader and that’s just what they are, my thoughts and ideas (and they’re in no way final or set in stone… I’m prone to changes I guess).

 

So here’s the video:

 

 

And here are the pictures of the assembled models (you can click the pictures for larger views):

 

Cutter “on/off” button (don’t forget to turn yours to “on” or it won’t work).

Assembled Yu Jing.

 

Assembled PanOceania Military Order.

 

Assembled Cutter.

 

Comparison shot 01.

 

Comparison shot 02.

 

Comparison shot 03.

 

And I guess that’s it for today. Don’t hesitate dropping me a line and letting me know what you think about them Infinity miniatures, or the video itself (and if you’d like to see more video content around here), and if you like it enough don’t forget to like the video on Youtube and subscribe to our channel.

 

Over and out.

 

+++