Hello there Reader.

Today’s update is the Portuguese version of the article published here yesterday about our participation in the 2nd “Paint the Target” article on the “Evil Fluffy Creatures” blog.

If you missed it by any chance, please do check it out.

Over and out.

+++

Salve Leitor.

Dia desses publiquei aqui no blog um artigo fazendo uma rápida recapitulação do ano de 2013 aqui no blog, oportunidade em que mencionei estar com as “baterias do hobby” recarregadas para o ano de 2014, porém, até agora ainda não tinha pintado nada.

A oportunidade de pintar a primeira miniatura de 2014 surgiu com um convite do Silvio, da loja Roleplay, que pouco antes do carnaval me perguntou se eu não gostaria de participar do segundo “Paint the Target” junto com ele e o Marlon do blog “Evil Fluffy Creatures”.

Como explicado pelo Marlon no artigo original sobre o “Paint the Target” a ideia é “unir pintores de modelos em cima de uma mesma proposta, de um mesmo “alvo”, e produzir esse projeto em uma semana. Mostrando enfim, como cada participante abordou o tema, e evidenciando o estilo de cada um”, coisa que ambos, Marlon e Silvio fizeram no primeiro artigo com resultados fantásticos.

Tendo lido os artigos originais eu fazia ideia do que me esperava no que o Silvio chamou de “Desafio de Carnaval”. A ideia neste 2º “Paint the Target” era pintarmos o modelo do Warboss Ork incluído na caixa básica da 5ª Edição do Warhammer 40.000, a “Assault on Black Reach”, durante os dias do feriado de carnaval começando no sábado, 1º de março e terminando até a quarta-feira de cinzas.

Eu já havia pintado uma miniatura dessas em outra oportunidade, na época um presente para o Fabin, tendo escrito um artigo aqui no blog sobre a pintura do modelo. Naquela oportunidade optei em usar o modelo da caixa “Assault on Black Reach” como base de uma conversão, tendo usado basicamente o corpo e substituído os braços e a cabeça do modelo, além de outras pequenas modificações.

 

A primeira versão do Warboss da caixa “Assault on Black Reach”. Para mais fotos confira o link para o artigo original acima ou clicando na foto.

 

Desde então tencionava revisitar essa miniatura, motivo pelo qual não pensei duas vezes para aceitar o convite do Silvio, e juntamente com ele, o Marlon e o Marcos (do blog “Chumbo, Plástico, Tinta & Pincel” e meu parceiro na apresentação do “Papo de Mesa Podcast”) participar do desafio de carnaval.

Comecei a trabalhar no modelo no sábado a tarde e dessa vez a ideia era pintar a miniatura original sem fazer muitas conversões, com exceção de uma pequena alteração.

 

A data do jornal comprova o inicio dos trabalhos – Quem disse que não se aprende nada em filmes policiais?!

 

As partes ainda no sprue. São poucas opções de customização e poses já que essa era uma miniatura direcionada para iniciantes.

 

As partes já fora dos sprues e prontas para montagem.

 

A base da miniatura.

 

Como eu acho a pose da miniatura original meio esquisita, com o Ork olhando pra frente enquanto aponta para a esquerda com sua “power klaw”, então decidi fazer uma pequena conversão para fazer com que a miniatura olhasse para a direção em que aponta como se estivesse gritando ordens para seus soldados.

Tendo decidido a pose da miniatura fiz a montagem parcial da peça (deixei de colar o braço direito para facilitar o trabalho de pintura) e apliquei o primer, também confeccionei a base da figura, contudo, deixei de colá-la a base para permitir a pintura da mesma com mais facilidade.

 

A miniatura já convertida, montada, com o primer aplicado e pronta para pintura.

 

Um dos problemas que sabia que iria enfrentar para participar do desafio de carnaval era o material para a pintura já que iria passar o carnaval em Cuiabá e assim não teria como levar comigo minhas tintas. Acabei me decidindo em empregar na pintura dessa peça dois conjuntos de tinta que queria testar a algum tempo e que seriam fáceis de levar em uma mochila: O “Game Color Intro Set” e o “Extra Opaque Basecoat Color Set” ambos da Vallejo.

 

A caixa “Game Color Intro Set” é uma excelente pedida para iniciantes no hobby da pintura de miniaturas, vindo com uma gama de cores bastante útil.

 

A caixa de tintas “Extra Opaque basecoat Color” foi uma grata surpresa cobrindo muito bem o primer preto em uma única aplicação. Excelente novo produto da Vallejo.

 

Eu espero escrever uma resenha mais completa dessas tintas em breve aqui no blog, mas, por hora, basta dizer que achei ambos os sets fantásticos, o primeiro deles sendo o conjunto ideal para aqueles que tencionam começar no hobby de pintura de miniaturas e o segundo uma ferramenta perfeita para o que se propõe, ou seja, a aplicação da capa base de cor nas miniaturas (tendo coberto o primer preto empregado com uma ou no máximo duas aplicações de cor).

Comecei a pintura propriamente dita da maneira como pinto a maioria de minhas miniaturas aplicando as camadas de cor “de dentro pra fora”, ou seja, começando na pele e a partir daí pintando as roupas e peças de armadura da miniatura. No caso do Ork comecei com a pele aplicando uma camada de “Heavy Green – Verde Denso” da linha “Extra Opaque” da Vallejo.

 

Após a aplicação da capa base de cor na pele apliquei a cor metálica nas armas e pedaços de armadura do Warboss com a tinta “Gunmetal Metal – Gris Metalizado” da linha Game Color da Vallejo aplicada com a técnica do pincel seco (Drybrush).

 

Tendo finalizado os metais comecei a trabalhar nos tecidos, em especial a calça do Warboss e o pano que ele tem na cintura já que ambas as áreas são bem visíveis na miniatura. Para a calça comecei com uma aplicação de “Heavy Red – Rojo Denso” da linha “Extra Opaque” da Vallejo seguida de uma aplicação de “Sepia Shade – Lavado Sepia” da linha de washes para delinear as sombras.

 

Após esse passo completei a pintura da peça com preto para a camisa e botas (com highlights de cinza), tons de marrom para a bandoleira das armas nas costas e vermelhos para a mecha de cabelos amarrada do “boss pole” preso às costas do Warboss. Infelizmente acabei me empolgando na pintura dessas partes da miniatura e deixei de tirar fotos detalhadas desses passos.

E aqui estão as fotos da miniatura finalizada para que vocês possam julgar o resultado final:

 

O Warboss Gutrippa em toda sua glória e coberto de sangue!

 

Outra foto de Gutrippa. O efeito de sangue nas “power klaw” do Warboss foi feito na quarta-feira de cinzas quando retornei pra casa.

 

Gutrippa em close-up. Nem uma mãe amaria um filho tão feio!

 

Posso dizer que fiquei bem satisfeito com o resultado final e com a nítida evolução desde a primeira pintura que fiz desse modelo. Fico chateado somente pela qualidade inferior das fotos que ilustram o artigo, preciso MESMO melhorar o set-up de minha iluminação para tirar as fotos.

Pra finalizar gostaria de agradecer ao Silvio e ao Marlon pelo convite para participar deste segundo artigo e espero poder participar de outras edições do “Paint the Target”, essa é uma iniciativa fantástica que tem tudo para movimentar o hobby por aqui. Os resultados de nosso “Desafio de Carnaval” foram postados então não deixe de visitar o “Evil Fluffy Creatures” e conferir os modelos dos outros participantes.

Se você ficou com vontade de participar deixe um comentário no post dos resultados do “Evil Fluffy Creatures” para que os organizadores possam te contatar no próximo “Paint the Target”.

Grande abraço e até breve.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s